Homenagens a Ricardo Benzaquen nas novas edições das Revistas “Sociologia & Antropologia” e “Interseções”


 

 

 

 

 

 

 

 

 

É com emoção que divulgamos as homenagens ao nosso colega e amigo Ricardo Benzaquen de Araújo nos números atuais de Sociologia & Antropologia (vol. 7, n.2) e Interseções (vol.9, n.1).

Continuar lendo

Anúncios

Heloísa Buarque de Hollanda no Suplemento Pernambucano

Heloisa-01

Compartilhamos matéria sobre Heloísa Buarque de Hollanda no Suplemento de Pernambuco:

http://www.suplementopernambuco.com.br/

Com perfil intelectual escrito por André Botelho:

“Quando olhamos para a trajetória intelectual e obra de Heloísa Buarque de Hollanda fica evidente como a curiosidade e a originalidade, e mesmo certa antecipação em relação aos temas que irão ganhar o cotidiano, são suas marcas mais características. Mas quanta disciplina e trabalho são necessários para lhes dar existência? Apenas o desejo intenso de ver, ouvir, conhecer, experimentar o novo não faria de Heloísa Buarque de Hollanda, digamos, Heloísa Buarque de Hollanda. Sim, a própria palavra latina curiosîitas, ãtis traz a ideia de cuidado, de diligência em buscar uma coisa, no desejo de conhecer. Não será simples pôr em relação uma curiosidade aguda e uma carreira acadêmica exitosa, como as de Heloísa. Operação nada trivial e longe, muito longe, de qualquer sentido harmônico”.

PARA LER MAIS, ACESSE http://www.suplementopernambuco.com.br/artigos/1934-helo%C3%ADsa-buarque-de-hollanda-o-campo-aberto-da-cultura.html

 

Capitalismo dependente: todos os passos de um conceito de Florestan Fernandes

florestan2

 

Texto de Antonio Brasil Jr. (IFCS-UFRJ) [1]

*Post publicado em parceria com os blogs Sociofilo e Neps

Na primeira metade da década de 1960, o encontro dos termos “sociedade de classes” e “subdesenvolvimento” se dava, nos textos de Florestan Fernandes, na chave da “irracionalidade”. Essa maneira de conectar os termos abria, sem dúvida, um campo alternativo de possibilidades históricas, já que ela sinalizava para uma repulsão mútua entre eles: caso operasse à eficácia máxima, a “sociedade de classes”, universalizando a “ordem social competitiva”, expurgaria o “subdesenvolvimento”. Continuar lendo

Palestra “Fronteiras das ciências sociais: a experiência do Centro Latino-americano de Pesquisas em Ciências Sociais (CLAPS) e o lugar do Brasil na América Latina”, por Breno Bringel

Breno-Bringel

O NEPS – Núcleo de Estudos Comparados e Pensamento Social (UFRJ/UFF) convida para a palestra “Fronteiras das ciências sociais: a experiência do Centro Latino-americano de Pesquisas em Ciências Sociais (CLAPS) e o lugar do Brasil na América Latina” a ser proferida pelo Prof. Breno Bringel, no dia 2 de agosto de 2017, quarta-feira, às 17 horas, no IFCS/UFRJ. Largo de São Francisco de Paula, 01/sala “Amarela” no conjunto 109 (térreo) – Centro – Rio de Janeiro (estações Carioca ou Uruguaiana do Metrô).